Estrela de Pantera Negra posta vídeo criticando a vacina da covid19 e ligando o vírus a pessoas trangêneros

Letitia Wright, estrela do "Black Panther" (Pantera Negra) , compartilhou um vídeo sobre a teoria da conspiração do COVID nas redes sociais que também inclui transfobia flagrante.


O vídeo, criado pelos irmãos Tomi e Tobi Arayomi, é uma bagunça que mistura COVID, pessoas trans, vacinas e mudanças climáticas. Desde então, foi removido do YouTube por espalhar desinformação desmentida sobre o coronavírus.
Tomi Arayomi hospeda o vídeo e afirma a certa altura que espera que qualquer vacina potencial para o coronavírus não "faça membros extras crescerem". Ele admite que não “entende de vacinas medicamente”.

Arayomi tentou ofensivamente usar pessoas trans para explicar porque ele não acreditava na ciência por trás da pandemia.

"Se você olhar para alguém que nasceu geneticamente homem, mas você diz 'isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota, isso é uma garota 'vezes suficientes, eventualmente você vai forçar a obediência pela composição do meu discurso para dizer algo que eu apenas tecnicamente, biologicamente não acredito ”.
Depois que os fãs começaram a expressar desapontamento com o fato de o ator espalhar transfobia e desinformação sobre uma doença mortal, Wright os ignorou e começou a reclamar da chamada cultura do cancelamento, antes de dar desculpas sobre o porquê de ela ter feito isso.
“Se você não se conformar com as opiniões populares, mas faz perguntas e pensa por si mesma”, ela tuitou, “você será cancelado”.

“Minha intenção era não machucar ninguém”, disse ela em um tweet de acompanhamento. “Minha ÚNICA intenção de postar o vídeo foi levantar minhas preocupações sobre o que a vacina contém e o que estamos colocando em nossos corpos. Nada mais."

“Esse vídeo era transfóbico e não, por favor, não seja um antivaxxer, NÃO está tudo bem”, respondeu um usuário.
Fonte LGBTQNATION