Pastores criam evento "resgate da masculinidade patriarcal" no objetivo de "salvar a família"

De 14 a 17 de novembro, será realizado no Distrito Federal o evento denominado “Machonaria II”, que tem como premissa “a salvação da masculinidade patriarcal”. As passagens custam entre R $ 1.850 e R $ 2.950, permitindo que o homem ou o casal se hospede em um hotel rural e participe de seis palestras e outras atividades.

Na postagem num grupo da igreja o administrador do grupo escreve:
_Estamos muito felizes por celebrar o segundo encontro da “Irmandade Nacional das Nações”. Neste número da revista, daremos especial atenção ao empreendedorismo e ao desenvolvimento financeiro humano, para que ele se veja como um rei, um profeta e um sacerdote, como em todos os campos ”, e explicou o conteúdo do encontro.
Para os homens que decidem acompanhar as suas varoas, existe também uma versão de atividades para elas, nomeadamente "Femmearia". O comunicado dizia: “Haverá um retiro de quatro dias, autoinvestimento, trocas com mulheres de diferentes partes do país, trocas de experiências, dor e espírito, condições sociais, familiares e financeiras”.
Os organizadores das duas iniciativas é o pastor Anderson Silva, chefe da igreja Vivo por Ti em Brasília. Apesar de ter ocorrido no mesmo local, o Vila Velluti Hotel (homens e mulheres) ainda não pôde participar de atividades voltadas para o sexo oposto. Anderson escreveu em seu Instagram: "Agora é a hora de Os organizadores das duas iniciativas são o pastor Anderson Silva, chefe da igreja Vivo por Ti em Brasília. Apesar de ter ocorrido no mesmo local, o Vila Velluti Hotel (homens e mulheres) ainda não pôde participar de atividades voltadas para o sexo oposto. Anderson escreveu em seu Instagram: "Agora é a hora de salvar a família". É impossível se Deus não salvar homens e mulheres sozinho." Ele também disse que os fundos arrecadados serão usados ​​para fornecer reabilitação para mulheres estupradas. Espaço.
A divulgação do evento causou nas redes sociais até entre membros da igreja.