Mulher trans é atacada com insultos Homofóbicos em Amsterdã veja o Video

Uma Mulher Trans foi agredida enquanto passeava com seu  namorado em Amsterdã na sexta-feira passada dia 31de julho.
Aisha Noir estava em uma rua de amsterdã com seu namorado Lucio Mario, essa Rua é frequentada por pessoas turcas e marroquinas, segundo o relado da vítima eles gritavam palavras ofensivas de cunho sexual.
Os caras tentaram agredir a mulher trans e seu namorado a defendeu com uma chave de braço.
Logo a polícia chegou no local pra resolver a situação. Eisha foi convidada a fazer um boletim de ocorrência mais de imediato se recusou.
Naisha diz que irá entrar com um processo judicial contra os caras.
Nashia postou em sua redes social o seguinte texto:

"Sexta-feira passada, 31 de julho, meu parceiro e eu fomos atacados por caras homofóbicos na molukkenstraat, rua de Amsterdã, sofremos agressão verbal e violência física.

Começa quando dois turcos estão brincando sobre nossos corpos, perguntamos o que está acontecendo e eles continuam rindo na nossa cara. Depois disso, um homem iniciou o ataque ao meu corpo, meu namorado me defendeu e botou a cara do homofóbico no chão. A polícia foi chamada no momento, (rosa em azul, policia LGBTQ+ ) entenderam a situação nos deram todo o apoio e agora queremos que a ação seja movida e o homofóbico preso.

Eu gostaria de denunciar esse tipo de violência transfóbica/homofóbica na Holanda, precisamos de apoio para combater essa situação. Invoco todo mundo para que nesta semana de orgulho LGBTQ+ em Amsterdam, lutemos com força contra qualquer tipo de ataque, não tenhamos medo".
Veja o vídeo completo:

Reportagem Vanderson Samael, Rafael Calasar, Jean Pereira
LGBTNEWSBR.COM