Post Page Advertisement [Top]

Bill Donohue é um extremista anti-LGBT + que chefia a Liga Católica , uma organização católica americana de combate à difamação e aos direitos civis.
Suas alegações anteriores à fama incluem dizer aos gays que não podem comemorar o Natal e afirmar que o abuso de crianças por parte de padres católicos é realmente uma questão de homossexualidade, não de pedofilia.
Recentemente, ele foi ao blog da Liga Católica para apresentar seu argumento sobre as origens das pessoas queer em um artigo intitulado ' MASS PRODUZINDO PESSOAS LGBT '.
Sua inspiração veio da pesquisa do Public Religion Research Institute sobre a demografia de LGBT + americanos, que revelou que cinco por cento da população não se identifica como heterossexual.
Extrapolando os resultados da pesquisa, que mostram que os americanos que se identificam abertamente como LGBT + são democratas desproporcionalmente jovens, brancos e não religiosos, Donohue decide que a sexualidade deve, portanto, ser um "fenômeno cultural".
"De que outra forma explicar as disparidades?" ele pergunta.
Ele então teoriza: “Os jovens foram doutrinados a pensar que ser membro da comunidade LGBT + é pelo menos um atributo de valor neutro e pode até ser legal.
"Como o Papa Francisco disse, há uma tendência 'desagradável' nas escolas de 'doutrinar' crianças, ensinando que nosso sexo pode ser escolhido e mudado."
"Isso está prejudicando os jovens e mostra altos índices de depressão e suicídio nesse segmento da população".
Demonstrando uma chocante falta de pensamento crítico, Donohue parece ter correlação confusa com causalidade, assumindo que, como as pessoas LGBT + estão super-representadas em determinadas informações demográficas, a cultura dominante dessas informações demográficas deve estar influenciando sua sexualidade.
Ele não para para considerar se intolerâncias como a sua podem ser o motivo pelo qual as pessoas LGBT + em outros grupos têm menos probabilidade de surgir - ou se esse pode ser o mesmo motivo pelo qual eles experimentam taxas mais altas de problemas de saúde mental.
Se o fizesse, ele poderia não ter continuado com a mesma falta de autoconsciência.
“Ser uma pessoa LGBT + já é bastante difícil (por exemplo, eles sofrem de altos índices de depressão e suicídio), e isso é especialmente verdade nos sexualmente confusos (um homem que pensa que é mulher e vice-versa)”, escreve ele.

"É por isso que as tentativas de produzi-las culturalmente em massa são perniciosas."
Talvez a coisa mais perniciosa aqui seja um líder religioso moralizando sobre problemas alimentados por seus próprios preconceitos.
Fonte Pinknews

19 comentários:

  1. Por acaso quando se olha para a cara dele, dá a sensação que é bicha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber que você está gostando do nosso site aproveita e curte nas redes sociais estamos em todas elas

      Excluir
    2. Se é assim, quando é que o COVID-19 vai fazer estes imbecis saírem de Nárnia?

      Excluir
  2. For God's sake. Stop being stupid and obsessed with gay people. We know what you really want and we do not give a fuc*

    ResponderExcluir
  3. Esse ai gosta mais que lasanha..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber que você está gostando do nosso site aproveita e curte nas redes sociais estamos em todas elas

      Excluir
  4. O que há de errado na fala dele?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tudo neh, bb, claramente um sujeito que não é resolvido com a própria vida e manipula informações para difamar outros indivíduos, além de ser fiscal da vida alheia, prega intolerância abertamente, devia estar no mínimo em julgamento

      Excluir
    2. Que bom saber que você está gostando do nosso site aproveita e curte nas redes sociais estamos em todas elas

      Excluir
  5. ele me parece uma
    poderosinha que não teve
    chance de sair do armario
    na adolescencia e prega sua
    intolerancia com aqueles
    que se libertaram, precisa
    de amor no <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber que você está gostando do nosso site aproveita e curte nas redes sociais estamos em todas elas

      Excluir
  6. TÁ NA CARA QUE É MAIS UMA MARICONA OU BICHA VELHA ENRUSTIDA, RECALCADA E INFELIZ.Como bem nos lembra o respeitado psicanalista Contardo Calligaris, frequentemente um moralizador raivoso desconta nos outros as tendências e impulsos que, em muitos casos, são seus, mas ele não consegue dominar.[11]Dito de outro modo: o padrão moral que todo “moralizador raivoso” se impõe nunca é respeitado por ele, mas é sempre considerado por ele um padrão que todos devem respeitar.O mesmo, diga-se de passagem, pode ser dito em relação aos moralizadores raivosos que esbravejam com gays. No fundo, todos sabem – e eles também, embora não admitam – que, na verdade, tudo isso é fruto de suas tentações pela “fruta”. Por isso, segundo Calligaris, “o apedrejador sempre quer apedrejar a sua própria tentação ou a sua culpa.” simples assim...uma bicha velha recalcada que vai morrer jurando que é hétera kkkk

    ResponderExcluir
  7. Concordo com ele. É chocante ver o sofrimento de uma criança ter que escolher em qual sexo se encaixa, isso perde a essência de aproveitar sua infância. Acho que os grupos LGBT+ estão indo longe demais. O padrão não é ser LGBT+, nunca foi e sim, heterossexual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De que orifício vocês tiram essas afirmações? Onde as crianças tem que escolher que sexo ela quer ter?
      Isso é o cúmulo da estupidez!
      Sejam.menis ignorantes e aprendam a aceitar o que a natureza representa para cada indivíduo. Quem é gay só é gay porque é da essência dessa pessoa. Não é uma questão de escolha. A masunica escolha que se faz a esse respeito é ter ou não ter a coragem necessária para enfrentar uma sociedade preconceituosa e violenta contra os homossexuais.

      Excluir
  8. Nosso plano está indo de vento em popa. 🦄🌈🏳️‍🌈🏳️‍⚧👯‍♂️👬👨‍❤️‍💋‍👨👨‍👨‍👦👨‍👨‍👦‍👦

    ResponderExcluir
  9. Esse cara disse isso na televisão, ou em um artigo escrito por ele, de qualquer modo gostaria de saber o link, para confirmar as declarações são realmente essas ou estão fora de contexto

    ResponderExcluir
  10. Onde tem religião tem atraso educacional e social

    ResponderExcluir
  11. “Ser uma pessoa LGBT + já é bastante difícil (por exemplo, eles sofrem de altos índices de depressão e suicídio), e isso é especialmente verdade nos sexualmente confusos (um homem que pensa que é mulher e vice-versa)”...isso eu concordo com ele !

    ResponderExcluir

Bottom Ad [Post Page]


| Desenvolvido por Colorlib - GOOGLE