Ana Paula Valadão: “Não é normal ser homem e ter desejo homossexual

A cantora Ana Paula Valadão tem um vasto público LGBT. Nem por isso “passa a mão na cabeça” de gays e lésbicas. Uma prova se encontra em entrevista recente da religiosa à Rede Super, divulgada pelo site Bastidores da TV. No bate-papo, Ana Paula compara a homossexualidade a pecados condenados pela Bíblia Sagrada.
A princípio, a artista explica como é o processo de “libertar” um homossexual. “Quando uma pessoa que ainda não foi libertada de uma prática de pecado, seja ela a mentira, seja o álcool, seja o homossexualismo (sic)*, que a Bíblia realmente condena… Nós não podemos olhar para a pessoa e rejeitar”, disse.
“A gente tem que enxergar que a sementinha tá sendo plantada. Glória a Deus, vou orar pra que essa sementinha caia na boa terra, e ela vai dar fruto. É um processo de cura”, disse ainda a evangélica.

A cantora também afirmou que um de seus amigos foi “libertado”. “Ele é uma inspiração para todos que cresceram com uma história traumática. Uma mentira do diabo, dizendo que você é assim. Não é normal você ser homem… e ter desejo

Nenhum comentário